Marc Fazer login
PAINEL DO PODER

Pesquisa aponta que maioria dos líderes no Congresso é a favor da estabilidade e não acredita na aprovação da PEC 32/2020 ainda este ano


Levantamento também mostra que 57% dos parlamentares mais influentes são contrários à extinção do Regime Jurídico Único
  16/10/2020
  Atualizado em 18/11/2020



Pesquisa realizada pelo Painel do Poder, do Congresso em Foco, aponta que 72% dos líderes no Congresso Nacional são a favor da estabilidade e 43% discordam da flexibilização da prerrogativa, conforme prevê a Proposta de Emenda à Constituição 32/2020. O mesmo levantamento mostra que, na avaliação dos entrevistados, a reforma administrativa não deve ser aprovada ainda este ano.

Na comparação com a reforma tributária, outra pauta relevante, a tramitação da reforma administrativa tem menores chances de ser concluída em 2020: enquanto 47% dos parlamentares ouvidos não acreditam na aprovação das mudanças no sistema tributário brasileiro neste ano; 52% não acreditam na aprovação da PEC 32/2020 no mesmo período.  Na tabela abaixo, elaborada pelo Painel do Poder, é possível confirmar a tendência, de acordo com a expectativa dos parlamentares mais influentes. 

Veja que, na escala de 1 a 5, a percepção da possibilidade de aprovação da reforma tributária ainda neste ano tem média de 2,58, enquanto a reforma administrativa fica com 2,38.

Outro ponto indicado pela pesquisa é o apoio à manutenção do Regime Jurídico Único (RJU) dos servidores. 57% dos parlamentares ouvidos pelo Painel do Poder são contrários à extinção do regime.

Para o levantamento, o Congresso em Foco entrevistou 70 deputados e senadores que exercem influência no Congresso, como líderes de bancadas, presidentes de comissões e de frentes parlamentares, entre os dias 14 e 20 de setembro.

 





    

© ANPPREV 2020 - Associação Nacional dos Procuradores e Advogados Públicos Federais

Endereço:  SAUS 06 Bloco K - Ed. Belvedere - Grupo IV, Brasília/DF, CEP 700.70-915
Telefones: 61 3322-0170 | 0800 648 1038

Fazer login | Seja um(a) Associado(a)


Nova ANPPREV - A prioridade é você!
Inatto